Revolução Alemã

Entenda de maneira simples e objetiva!!

 

Para facilitar o entendimento do nosso leitor, esquematizamos alguns tópicos sobre a Revolução Alemã.

Regiões ⇒ Impulsionaram novas atividades econômicas.

Liga das cidades = Liga Hanseática

Singularidade da nobreza dos estados alemães comparada com a europeia ⇒ conduzem a modernização através de uma ação que, ao mesmo tempo que expandiu as suas riquezas manteve os seus poderes e suas autonomias.

Impulso modernizador ⇒ Começou como complemento da manutenção dos poderes locais tradicionais.

Tradicionais privilégios da França ⇒ nobres alemães que tiveram de se dedicar á produção e à administração dos seus bens, que implicou uma presença acentuada da nobreza nos seus domínios, fornecendo-lhes a base de conhecimento para ampliar a produção.

Nobreza Alemã ⇒ De região para região variava o modo de produzir e as relações de trabalho.

Variações ⇒ deram forças a autoridade real e a cultura do império.

Século XVIII ⇒ Iluminismo chega à Alemanha assegurando o desenvolvimento e arte, da religião, da política e auxiliaram no processo de desenvolvimento econômico

Voltaire (francês) ⇒ na corte alemã.

Fortalecimento das UNIDADES ESTATAIS (estrutura constitucional do estado, poderes políticos e administradores) na atuação econômica.

Conflitos e guerras ⇒ Decorrentes das consequências lógicas do fortalecimento das unidades estatais.

Duplo procedimento de EXPANSÃO E PROTEÇÃO ⇒  Nobres empreendedores verificaram os limites econômicos dessas ações.

UNIFICAÇÃO ALEMÃ ⇒ Iniciada pelos acordos econômicos.

Processo foi considerado CONSERVADOR ou TRADICIONALISTA pois sugere a ideia de que não houve revolução na Alemanha.

Revolução Alemã associada como PASSIVA ⇒ Difícil encontrar a dualidade de classes como na França e na Inglaterra.

Dependeu totalmente de intervenção de um ESTADO.

Conceituado como MODERNIZAÇÃO CONSERVADORA ⇒ Porque decorreu da ação conjunta dos setores Tradicionais do estado com o intuito de expandirem mercados e CONCORREREM COM OS PRODUTOS INGLESES ⇒  Era necessário a unificação!

A ação do estado foi decisivo como Também a atuação de Bismarck ⇒ Nobre, diplomata e político PRUSSIANO  do século XIX.

O que fundamentava a Política do Estado? O próprio Estado? Ou os interesses dos nobres alemães?

Unificação como estrutura de desenvolvimento resultou da vontade política da Prússia e dos outros estados alemães.

Política do estado ⇒ Permitiu reduções em segmentos econômicos.

⇒ Conduziu recursos para setores necessitados com participação dos que detinham riquezas e controlavam o mercado.

Racionalidade ⇒ Garantiu o progresso

⇒ Manteve a estabilidade política do estado alemão.

⇒ Relacionado a Bismark ⇒ Critérios da racionalidade atingiram o ponto                                                                                   mais alto.

UNIFICAÇÃO DA ALEMANHA

  • Direção da Prússia
  • Valores Iluministas

 

Concorrência Produtos Inglês X Produto alemão

Garantiu a balança comercial favorável ⇒ Redução das importações

⇒ Busca pelo sentimento NACIONAL que englobasse a identidade GERMÂNICA.

1833 a 1884 — processo consciente da Revolução Industrial

⇒ Prússia como região central

CONFLITOS ⇒ Áustria como oposição à liderança da Prússia.

⇒ Derrota para liga aduaneira.

Século XIX ⇒ Unidade fragmentada.

1861 ⇒ Bismark assumi o Ministério de Guilherme I da Prússia.

⇒ Ampliação dos distritos industriais.

⇒ Crescimento: Cidades, mercados, malha ferroviária.

Integração (Produção/ Fornecedor) ⇒ áreas

Guerra Franco-Prussiana 1870

    vitória Alemã

Militarização ⇒ elemento de mobilização da ideia de nação.

Junkhers ⇒ Proprietários de terra de origem nobre.

Avanços econômicos tiveram papel importante na superação dos conflitos pois proporcionaram desenvolvimento de novos ramos da economia.

Realidade Alemã ⇒ Capitalista e promotora da Modernização

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s